Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
06/maio/2014

Justiça condena acusados de queimar dentista em SP


Por Robson Pires, em

dentista

A 3ª Vara Criminal de São Bernardo do Campo (SP) condenou nesta terça-feira três acusados de matar a dentista Cynthia Magaly Moutinho de Souza. Victor Miguel Souza Silva e Thiago de Jesus Pereira receberam pena de 37 anos de prisão cada. Jonatas Cassiano Araújo foi sentenciado a 36 anos de prisão. Todos foram condenados pelos crimes de roubo, extorsão, latrocínio e formação de quadrilha. Em abril de 2013, o grupo invadiu o consultório da dentista, mas não encontraram dinheiro no local. Tentaram então sacar dinheiro da conta bancária da vítima. Após constatarem que Cyntia tinha apenas R$ 30, atearam fogo ao corpo dela.

Na sentença, o juiz Edegar de Sousa Castro ressaltou que o crime acabou incentivando delitos semelhantes. “A brutal consequência do assalto cometido pelos réus ganhou imediata repercussão social, o que, pelo lado negativo da exposição midiática, ensejou novos crimes perpetrados pela mesma forma de execução por parte de criminosos associados em quadrilhas, isto é, os agentes passaram a aterrorizar os subjugados mediante a ameaça de atear-lhes fogo. O crime, cometido de forma brutal, causou reflexos em toda a sociedade”, destacou o magistrado.


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Terça, 21 de Agosto de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

agosto 2018
D S T Q Q S S
« jul    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031