Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
16/ago/2009

Abrigo: 60 anos de Fundação. Uma homenagem a Irmã Lúcia


Por Robson Pires, em

Como um sentimento de verdade, há uma crença no Bairro Paraíba, de Caicó, de que Irmã Lúcia nunca morrerá. Ela apenas se encantará, um dia, sob o manto de nossa Senhora das Graças e de lá continuará a olhar e encaminhar para todo o bem, os filhos e filhas deste bairro e cidade.

A história do Abrigo Pedro Gurgel se confunde com a do próprio bairro e, consequentemente com a da própria Irmã Lúcia. Tem sido ela que há décadas, vem criando pela força da caridade cristã e da solidariedade humana muitos de nossos filhos e filhas, orientando sempre pelo caminho do bem, da paz e da fraternidade. Uma mulher filha de Deus que nunca pediu nada para si, pois seu olhar enxerga apenas o próximo.

Caicó deve muito a esta senhora, pois como educadora já formou dignamente para servir a nossa sociedade, vários cidadãos de bem, que como pais, mães e em várias profissões, das mais simples as mais complexas, em toda parte do mundo, trazem na lembrança e na condução de suas vidas, os seus ensinamentos.

O maior adjetivo que define esta mãe, é a de que ela é uma autêntica reprodutora do amor de Deus. Que nós possamos tê-la por muitos anos, pois seus ensinamentos, exemplos de humildade, perseverança e fé, a nós serve de lição e conforto para que compreendamos que é possível sim, olhar sempre e estender a mão a aqueles que de nós precisam de pelo ao menos, um sorriso.

É como diz a canção: “PROVA DE AMOR MAIOR NÃO HÁ, QUE DOAR A VIDA A SEU IRMÃO”.

Obrigado mãe!


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Terça, 19 de Junho de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

junho 2018
D S T Q Q S S
« maio    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930