Quem sabe de mim sou eu!
Robson Pires
22/abr/2010
ás 19:20
Publicado por Robson Pires na categoria

As pérolas de José Serra em Natal

Acompanhando a visita do pré-candidato tucano à presidência, José Serra, o jornalista Heverton de Freitas, do Novo Jornal, conseguiu captar algumas das suas pérolas na tarde desta quinta-feira (22).

“Querendo agradar aos nordestinos, Serra foi buscar nas lembranças da Mooca em São Paulo a presença de muitos nordestinos com quem convivia. E soltou essa pérola: Eu estava na escola pública e convivia com eles (os nordestinos) numa total normalidade”, lembrou o jornalista.

E Serra fez mais uma média: “sabia de cor todas as músicas de Luiz Gonzaga”.


5 Comentários

  1. Daniel disse:

    A Princesa do Serra

    Na entrevista concedida pelo candidato José Serra ao programa Encontro com a Notícia, da TV Tropical (RN), na tarde de hoje, quem roubou a cena foi a jornalista Daniela Freire.
    Durante quase toda a longa entrevista, o candidato dirigiu-se quase que somente à jornalista, a quem chamou de princesa ignorando os feiosos Jânio Vidal e Cassiano Arruda, escalados pelo agripinismo para a formulação de perguntas agradáveis ao tucano.
    Os marmanjões ficaram desolados.

  2. Zé Buxim (do logradouro) disse:

    Pois é, apesar de serem Nordestinos, o Serra convivia com eles com total normalidade. Isso demonstra o horror que esses paulistas têm do nordeste. É como se fôssemos sub-raça. Vão tomar onde a galinha toma, bando de fela das putas!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  3. Edson disse:

    22/04/2010 – 09h13
    PSDB acusa Sensus com dado errado
    Publicidade
    BRENO COSTA
    da Reportagem Local

    O PSDB utilizou dados incorretos para basear a notícia-crime que o partido pretende apresentar hoje ao Ministério Público Eleitoral contra o Instituto Sensus, por divulgação de pesquisa fraudulenta. A Folha verificou que os advogados dos tucanos usaram uma pesquisa feita pelo instituto em Santa Catarina para atacar outra, nacional.

    As informações referiam-se ao nível econômico dos entrevistados pelo Sensus em pesquisa divulgada na semana passada, que apontou um empate técnico entre os pré-candidatos à Presidência José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT).

    O PSDB encontrou cinco supostas irregularidades, relatadas em relatório produzido após análise, por técnicos do partido, nas 2.000 folhas de resposta da pesquisa contratada por um sindicato de São Paulo ligado à Força Sindical.

    A principal delas, conforme citou anteontem o advogado do PSDB Ricardo Penteado, é justamente a que se baseou em dados errados.

    O relatório afirma que os dados passados pelo instituto ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) indicavam que 6% dos entrevistados tinham renda de até um salário mínimo.

    O PSDB afirma, após checagem dos questionários, que os entrevistados naquela faixa de renda eram 17,7% -diferença favorável a um segmento do eleitorado supostamente mais simpático ao governo Lula.

    A Folha, porém, analisou os dados disponíveis no site do TSE e constatou que, na verdade, a pesquisa na qual 6% dos entrevistados estavam na faixa mínima de renda foi uma realizada apenas em municípios de Santa Catarina, a pedido da Federação das Empresas de Transportes de Cargas e Logística e registrada no dia 6 de abril sob o nº 7866/ 2010.

    Os dados da pesquisa alvo da contestação do PSDB, por sua vez, apontam que 16,3% dos entrevistados tinham renda de até um salário mínimo -uma divergência muito menor e, segundo a Folha apurou, considerada normal.

    O advogado do PSDB reconheceu o erro, segundo, um “equívoco” da área técnica que fiscalizou a pesquisa. Penteado disse que vai reformular a denúncia. “Não tenho o menor problema em reconhecer que houve um equívoco.”

    O diretor do Sensus, Ricardo Guedes, não comentou o caso.

  4. marta maria disse:

    VAMOS SERRAR O SERRA COM UM VOTO CONSCIENTE E MOSTRAR QUE NORDESTINO TEM ORGULHO E VALOR! FORA, SERRA! VOCÊ E SÃO PAULO SEMPRE FORAM CONTRA OS NORDESTINOS!!!

  5. É CRISTALINO O PRECONCEITO DOS POLITÍTICOS DA AV. PAULISTA EM RELAÇÃO AOS NORDESTINOS. O SERRA CHEGOU AO PONTO DE DIZER QUE ESTUDAVA EM ESCOLA PÚBLICA E CONVIVIA NORMALMENTE COM “ELES” (OS NORDESTINOS), COMO SE OS NORDESTINOS FOSSEM CIDADÃOS DE QUINTA CATEGORIA? COMO DIRIA O BORIS CASOY, ISTO É UMA VERGONHA.

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Quinta, 19 de Outubro de 2017


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter




Calendário

outubro 2017
D S T Q Q S S
« set    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031