Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
13/ago/2009

As (primeiras) vítimas da Unidade Potiguar


Por Robson Pires, em

wilma2A ressaca pelo anúncio  da criação da Unidade Potiguar ainda rende.

Até agora, a Governadora Wilma de Faria foi a única a demonstrar desconforto – público e notório – com a inesperada formação de aliança política.

Ou seja, demonstrou entender que a tal Unidade foi criada para dificultar sua vida daqui para frente, melhor dizendo, uma tentativa clara de lhe emparedar, termo usado por ela mesma, em outro contexto, hoje pela manhã.

O vice Iberê Ferreira de Sousa preferiu não abrir o jogo.  Uma questão de estilo. Disse hoje à TV Ponta Negra que a Unidade é para fortalecer a base aliada da Governadora. Aproveitou, ainda, para creditar o feito ao poder de articulação do deputado Henrique Alves. O que não deixa de ser verdadeiro.

Apenas um “senão”; se é para fortalecer a base por que excluir seus protagonistas do encontro? Wilma não foi convidada, tanto que em não comparecendo a reunião, também não enviou representante – natural e legal – o vice, Iberê Ferreira de Souza.

Composição com o PT

Depois de deixar sinais claros que se sentiu excluída da Unidade Potiguar, a governadora Wilma de Faria começou a mexer suas peças no xadrez político.

Tudo indica que já trabalha fortalecimento de laços com o PT.

E por falar em partido de esquerda, por que será que o PDT foi “esquecido” pela Unidade Potiguar?

Por Território Livre


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Terça, 19 de Junho de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

junho 2018
D S T Q Q S S
« maio    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930