Quem sabe de mim sou eu!
Robson Pires
23/abr/2010
ás 20:32
Publicado por Robson Pires na categoria

Essa foi de lascar!!!

Cega, surda e muda! A saúde é um descaso. Vou contar um caso interessante que aconteceu comigo numa unidade hospitalar de Caicó:

Cheguei com amidalite e entrei no consultório com meu irmão que me acompanhava. Sentamos e o médico já foi pegando a caneta para medicar. Então já pronto para escrever, ele perguntou o que eu tava sentindo, mas ele de cabeça baixa ficou apenas me ouvindo. De prontidão já foi preenchendo o receituário. Como eu percebi que ele não olhou para saber qual de nós dois estava doente, resolvi não receber a receita na hora que ele estendeu a mão. Calado ficamos olhando para ele.

Então ele perguntou:

-Não vão receber?

Eu falei:

-O senhor está entregando a receita a qual de nós dois?

Ele:

-A quem está doente!

Eu:

-Mas, se o senhor não sabe quem de nós dois está doente, como pode prescrever algo?

Peguei a receita da mão dele, fiz uma bola, joguei no birô e fui embora. Ele não teve como reagir e ficou quieto sentado lá.

Por um leitor do blog que prefere o anonimato.


20 Comentários

  1. bacural 100% disse:

    é assim todos os dias, um dia alquem vai encher de porrada uns medicuuus desse

  2. jose disse:

    eita ja aconteceu comigo e minha esposa fis o msm mas la na pb isso e geral e?

  3. Cláudia Queirós disse:

    Ahhh mas isso é só o q acontece!!!! e o remédio é Benzetacil ou Azitromicina… E digo mais, se o médico estiver no plantão e chegar uma urgência, não é p incomodar o/a Dr./Drª, só se já tiver um número “X” de urgências. Ouvi isso da boca de uma funcionária de um desses hospitais de Caicó.

  4. Pedro Batista - Caicó RN disse:

    Comigo aconteceu quase que dessa mesma forma. Meu filho, ainda pequeno, apresentando febre eu o levei a uma casa de saúde de Caicó, lá chegando, fomos encaminhados a uma saleta onde se encontrava o médico, quando abri a porta a mesma encostava na mesa onde o médico estava sentado, por detrás desta porta ouvi a voz do médico peguntando o caso, e após eu relatar ele me passou o receituário. Ele nem viu a criança. Ao sair eu perguntei a uma das atentendes quem era o médico, e, lhe entreguei a receita para que ela a devolvesse. Isso foi a 22 anos, mas, jamais esqueci.

  5. Bom de Papo disse:

    Faço coro a todos que relataram estes episódios. Esta prática é a regra. Raros são os profissionais que tem a devida atenção ao paciente. Gostaria apenas de enfatizar que esta é uma profissão especial, pois quem procura um médico é porque está doente, debilitado, senão por vezes deprimido. Por esta razão eles (os médicos) poderiam ser muito mais humanos, para que o doente se sinta seguro do procedimento adotado no atendimento. Ao contrário o que vemos são médicos, prepotentes, orgulhosos e completamente deseducado. Veja vocês que recentemene entrou em vigor o novo código de ética médica, que trás novas diretrizes para o atendimento médico, dando certa autonomia aos pacientes. Acho que na prática nada disso será efetivado, pois quem ousará ir de encontro a esta poderosa casta? Só Deus com sua infinita justiça é pelos menos favorecidos.

  6. O Analista disse:

    Isso acontece diariamente em Caicó, todo mundo sabe e ninguem toma providências.
    Tem médicos que enquanto voce fala os sintomas ele fica assoviando e fazendo a receita médica, quando voce termina de falar a receita esta pronta. Muita eficiência, voces não acham?

  7. Berg disse:

    É bom que de dê nome “aos burros”, ou melhor aos médicos…

  8. Onaldo Lucena disse:

    A classe médica que hoje atende no serviço público está precisando participar de congressos e ler para que possam atuar na profissão que em plena FORMATURA ESTICARAM OS BRAÇOS FAZENDO O JURAMENTO COMO EM TODOS OS CURSOS DE NÍVEL SUPERIOR FAZ, PROMETENDO salvar vidas e isso não é o sufiente o MÉDICO precisa humanizar-se e garantir um trabalho eficaz e de qualidade. Em CAICÓ O serviço por parte de alguns médicos e os demais cargos de nível técnicos é prestado como se ESTIVESSEM FAZENDO UM (FAVOR),lembrem-se que é a população que pagam os seus salários.

  9. Ricardo disse:

    Porque não comentam quando são bem atendidos em? Será que é porque é mais fácil criticar que elogiar? Eu acho que o atendimento é bom em 90% das vezes, mas os espíritos de porco só lembram dos 10%…

  10. ORDINARIO disse:

    NÓS QUE ESTAMOS RECLAMANDO AQUI SOMOS A MINORIA MAIS PODEMOS MUDAR ESSA REALIDADE COM O VOTO
    SE NÃO DE CERTO PARTIMOS PARA………….

  11. mara disse:

    há isso comum mesmo já acomteceu comigo quer sofro de asma alegica, e com minha mãe que tem problem de coração e pressão alta ate remedio errado já passaram pra minha minha mãe ai eu tomei a receita e entregei a ele e dss ta errado o remedio ele nem me ouviu ser minha ãe tive tomado uma senhoara de 63 anos tinha morrido na hora e ai doutor vc j´ficha conhecida em caicó das antigas mesmos interessate ninguem denucia eses medico nem eu por ex;(medo de represalia).

  12. caganeira disse:

    É muito bom tb que alguém diga das pessimas condiçoes que o profissional de saúde trabalham e dos salarios pequenos que recebem. Enquanto a justiça é lenta , atende mal e ganham salários exorbitante e ninguém fala nada.

  13. Francisco Araújo disse:

    http://www.robsonpiresxerife.com/notas/essa-foi-de-lascar/#comments

    Realmente é triste a situação da saúde, no caso, em Caicó. O problema não é somente estrutural, mas humano. Os médicos em Caicó, na sua grande maioria trabalha de forma desrespeitosa para com o paciente, desinteressado, mal humorado, conversa pouco, mal direciona o olhar para o cliente. Precisamos denunciar esses maus profissionais da saúde, médicos, enfermeiros, levando a denúncia ao conhecimento da direção hospitalar para tomar as devidas providência, caso contrário, dirija-se ao Ministério Público para efetivar a denúncia. Só assim, o sistema de saúde pode melhorar.
    “VAMOS DÁ NOMES AOS MÉDICOS”.

  14. José Alberto Brito disse:

    Com a palavra o CRM do RN. Com tantos casos narrados, será que nenhum médico vai apresentar uma versão, no mínimo diferente? Não vamos entrar no mérito do valor da consulta que é irrisório, mas em si tratando de vidas humanas, é uma questão de dignidade. A consciência profissional e o poder de empatia deveriam falar mais alto.

    Jota Alberto
    Brasília-DF

  15. Medico caicoense disse:

    Caros amigos, vcs tem plena razão nos comentários feitos. Isto que acontece é uma lástima, pois desacredita e macula nossa classe.
    Peço que quando ocorrer algo do tipo dirijam-se a delegacia do Conselho Regional de Medicina (CRM) e façam uma denúncia formal. A delegacia fica no ed. Dona Sinha, ao lado da praça da liberdade. Obrigado!

  16. PAULO disse:

    O caba ganha pouco agora e ainda se acha autoridade…………….já era!!!

  17. luiza disse:

    Poxa Xerife nem aceitou meu comentário. Eu nem coloquei o nome do médico, só as iniciais…rsrrsr. Mas Xerife cá pra nós essa caricatura num é parecida com ele?

  18. Anna Alyne Cunha disse:

    A ilustração ficou brilhante! Feita por mais uma revelação do nosso Seridó. Parabéns Julihermes Cavalcanti – ele que também é dono do maior Site de Humor do RN (www.ococotaseco.com)! Beijos e felicitações ao Xerife!

  19. Coronel Pinto disse:

    Ricardo,

    Para falar essa besteira, com certeza você nunca precisa ir ao médico ou deve ter um plano de saúde e não sabe o que é rede pública de saúde. Não comentamos quando somos bem atendidos porque eles(médicos) ganham para isso e, portanto, têm obrigação de atender bem. Se ganham pouco e estão insatisfeitos, então peçam demissão, pois não há justificativa para mal atendimento. Não querem? SAIAM e dêem lugar a outros que queiram.
    Ah, devemos sim ter espíritos de porcos, pois mais parecemos animais quando somos atendidos por muitos médicos da rede de saúde pública.

  20. eu disse:

    Caicó inteiro sabe quem é este médico!!!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Terça, 24 de Outubro de 2017


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter




Calendário

outubro 2017
D S T Q Q S S
« set    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031