Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
02/nov/2009

Garibaldi Alves garante que votará na senadora Rosalba Ciarlini


Por Robson Pires, em

garibali e rosalba sorridenteO que era simpatia virou compromisso: o senador Garibaldi Alves (PMDB) garantiu sábado (31), em entrevista a uma rádio de Assu, que votará na senadora Rosalba Ciarlini (DEM) em 2010.

“Eu só quero isso: votar em Rosalba. Não quero romper com (o presidente estadual do PMDB) Henrique Alves. Nós passamos 40 anos juntos na política e quero passar mais. Quero que me deixem fazer a melhor opção pra mim e o que eu acho que é a melhor opção pro Rio Grande do Norte”.

Ele também disse que a senadora “está muito identificada” com o PMDB e “ninguém vai impedir” a manifestação dele pró-Rosalba. “Espero encontrar uma solução conciliatória com o deputado Henrique Alves. Só brigam quando os dois querem brigar, e eu não quero brigar com Henrique”.

Henrique Alves foi procurado pelo Nominuto.com para comentar o assunto, mas não atendeu ou retornou os telefonemas.

Ele defende que a base aliada do presidente Lula se repita no Rio Grande do Norte, o que significa manter o PMDB perto do PSB do pré-candidato Iberê Ferreira e longe do DEM de Rosalba Ciarlini e do senador José Agripino.

Do sucesso dessa empreitada depende também a eleição dele na presidência da Câmara Federal em 2010, quando o atual presidente, Michel Temer (PMDB), deve se licenciar do cargo para ser candidato a vice-presidente na chapa de Dilma Rousseff (PT).

Para resolver a questão, Henrique Alves idealizou em agosto a Unidade Potiguar, pacto firmado entre PMDB, PP, PR e PMN, com o objetivo de manter a base aliada unida.

Mas o pacto se dissipou quando o vice-governador Iberê Ferreira se lançou candidato, há duas semanas, e os deputados Robinson Faria (PMN) e João Maia (PR) manifestaram o desejo de disputarem o pleito por uma via alternativa.

Sobre a Unidade Potiguar, Garibaldi Alves disse: “A essa altura, ela não vai atingir os objetivos até porque os objetivos não foram bem definidos. O grande pecado desse pacto foi não ter ficado bem claro o que é que ele desejava”.

O senador já havia demonstrado que levaria a sério a simpatia pelo DEM quando assumiu para o presidente Lula, em 13 de outubro, que preferiria votar em Rosalba Ciarlini.

Na época, ele postou no twitter: “O momento agora é de trabalhar por uma decisão consensual do PMDB/RN. Estou desde já empenhado nessa tarefa”.

Garibaldi Alves acha que as eleições de 2006, em que ele disputo – e perdeu – o governo do estado, o afastou definitivamente da governadora Wilma de Faria, que responde pelo comando da base aliada.

Naquela ocasião, ele fez dobradinha com Rosalba Ciarlini, que acabou se elegendo senadora.

Nominuto.com


3 Comentários

  1. Elias disse:

    Nessa foto Rosalba tá dizendo pra Garibaldi: Tadinho… Tão bonitinho…

  2. Ana disse:

    Na outra campanha eles também riam do povo. Garibaldi, o governador de férias, perdeu as eleições. E como diz o ditado: “quem ri por último, ri melhor”…

  3. CONTRÁRIA disse:

    MESMO SEM A OPINIÃO DE GARIBALDI, MEU VOTO JÁ ERA DE ROSALBA

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Segunda, 20 de Novembro de 2017


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter




Calendário

novembro 2017
D S T Q Q S S
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930