Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
13/jan/2009

Governo discute Galpão Industrial para Jardim de Piranhas


Por Robson Pires, em

O secretário do Desenvolvimento Econômico, José Rufino Júnior, se reuniu nesta terça-feira (13) com o prefeito e o vice-prefeito de Jardim de Piranhas, Antônio Soares e Galbê Maia, respectivamente, para discutir o início da construção do Galpão industrial do município onde deverá funcionar a Central Produtiva de Tecidos Planos.

Durante a reunião o secretário da Sedec, José Rufino Júnior, apresentou ao prefeito, aos vereadores do município e ao deputado federal João Maia, o andamento do projeto de construção do Galpão Industrial já aprovado no orçamento de 2009 do Governo do Estado. Na construção do galpão serão investidos R$ 520 mil reais de recursos estaduais e R$ 52 mil reais da contrapartida da administração municipal.

Segundo José Rufino Júnior, incentivar o desenvolvimento do setor têxtil de Jardim de Piranhas é fundamental para ampliar o crescimento e o fortalecimento de todo o segmento na região Seridó. “O setor têxtil de Jardim de Piranhas tem grande potencial e a Central dará acesso à tecnologia, fundamental par ao desenvolvimento da atividade e ampliação no mercado”, destaca.

O secretário acredita que o incentivo do Governo do Estado além da importância na economia, com o avanço tecnológico na produção têxtil, irá promover o desenvolvimento sustentável da atividade.

Com a instalação da Central Produtiva de Tecidos Planos, as tecelagens poderão fazer o alvejamento industrial dos produtos para agregar valor ao preço final, ganhar mais competitividade no mercado, além de proporcionar mais qualidade de vida para população com a diminuição dos impactos no meio ambiente.

Outro assunto abordado durante o encontro foi o incentivo a qualificação profissional da população para trabalhar nas indústrias do município. “Com a utilização da Central as indústrias inovarão no processo de fabricação e é necessário que a população esteja preparada para trabalhar com novas tecnologias. Sendo assim, vamos trabalhar com o apoio da Sedec e de outras instituições para garantir esses cursos de qualificação para população”, ressalta Antônio Soares, prefeito de Jardim de Piranhas.

A partir da construção da Central, que será administrada pela Cooperativa Têxtil de Jardim de Piranhas, deverão ser viabilizados novos projetos junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a construção de um centro de tecnologia de alvejamento, tingimento e tratamento de resíduos da produção têxtil.

Atualmente estão concentradas em Jardim de Piranhas cerca de 200 empresas formais e informais com mil funcionários diretos e indiretos.

A reunião contou também com a participação do presidente da Câmara de vereadores de Jardim de Piranhas, Luiz Soares, dos vereadores do município, João Dantas, Edmilson Estevam, Francisco Júnior Alves e Jane Maia.


2 Comentários

  1. Jânio disse:

    Como você mesmo falou, Jardim de Piranhas está mesmo sem segurança, e principalmente sem LEI, uma dos secretários nomeados é a própria 1ª Dama, Nepotismo ainda existe???

  2. Natan Dantas disse:

    Isso não resolve nada em relação a poluição do rio, vamos fazer uma campanha para salvar nossa água gente, isso causa bastante problema na vida de todos

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Domingo, 24 de Junho de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

junho 2018
D S T Q Q S S
« maio    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930