Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
15/dez/2010

Irmão de Wilma é condenado por Foliaduto


Por Robson Pires, em

O Juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública, Ibanez Monteiro da Silva, condenou o ex-secretário do Gabinete Civil do Governo do Estado, Carlos Alberto de Faria, irmão da ex- governadora Wilma de Faria, e o ex-coordenador do Gabinete Civil, Ítalo Gurgel, por improbidade administrativa.

Eles terão que devolver aos cofres públicos a quantia de R$ 2,010 milhões, corrigidos monetariamente, por terem sido considerados os principais articuladores do escândalo chamado de Foliaduto, nome dado ao pagamento pela realização de shows que nunca aconteceram no fi nal do ano de 2005 e no carnaval de 2006.

Na sentença, o juiz condenou Carlos Faria e Ítalo Gurgel de forma solidária, o que quer dizer que os dois terão que juntos ressarcirem os R$ 2 milhões corrigidos, dois foram condenados a perda da função pública, suspensão dos direitos políticos por cinco anos, pagamento de multa no valor de 20% do dano, o que dá outros R$ 400 mil, e proibição de contratar com o Poder Público ou receber incentivos fiscais através de pessoa jurídica da qual sejam sócios, também por cinco anos.

Na denúncia, o Ministério Público acusou a existência de um  “esquema” que simulava a contratação de bandas e artistas por meio da aprovação de créditos suplementares com o objetivo de honrar compromissos assumidos  pelo Governo do Estado, através do Gabinete Civil.

O MP também considera que o desvio visava beneficiar os próprios réus na ação.  O MP acusa Carlos Faria de ter ordenado a realização da despesa sem autorização legal, determinar verbalmente a contratação direta de serviços sem obedecer as formalidades legais com a dispensa de licitação e de ter, junto com Ìtalo Gurgel, removido obstáculos para a obtenção dos recursos orçamentários que viabilizaram a fraude na Fundação José Augusto, além de ter usado o Gabinete Civil para efetuar o pagamento de despesas com o dinheiro obtido com a fraude.

Deu no Novo Jornal


7 Comentários

  1. Renê disse:

    E nada de xilindro pra variar né?!

  2. assessor disse:

    omi num diga um negocio desse não XERIFE, o bichinho é inocente…. kkkkkkkkk é como diz um ditado: ” a justiça tarda mas não falha”

    agora o irmão da governadora já foi julgado, falta so o filhinho dela LAURO MAIA HIGIA ser julgado, vamos ver no que vai dar.

    ao babões da DONA VILMA HIGIA de plantão já começaram o chororo, ´pensavam que ia ficar impunes

  3. FELA disse:

    NUUUUUNCA!!!

    DEVOLVEM COISA NENHUMUUUUMA! QUEREM APOSTAR QUANTO? NÃO VÃO PRESOS, NEM DEVOLVEM E FICA TUDO POR ISSO MESMO COMO ESTÁ!

  4. Marcelo disse:

    Deve ser uma piada essa devolução do dinheiro. Era melhor fuzilar os corruptos.

    Esse dinheiro nunca será devolvido e ele nunca passará meia hora dentro de uma sela. Cadeia só foi feito para quem não pode “comprar” um bom advogado para enrolar a Justiça durante uns 200 anos.

  5. só de longe disse:

    Quer dizer que chamado de ladrão é aquele que rouba um relógio velho, um celular de quinta uma margarina num super mercado ou mesmo numa bodega” como pra gente do interior é mais conhecido,e esses ladrões de colarim branco podemos chamar de quê? pra mim são mais que ratos de esgoto que deveriam morrer podre na cadeia.como entender a justiça?Tá tudo igual ao câncer.

  6. Rodrigo disse:

    Alguém ai tem notícias de Fernando Freire? ele saiu preso do governo do estado, ng lembra mais não? será que já foi processado?

  7. só de longe disse:

    Falando de Fernando Freire, e os laranjas dele não deu em nada?Tem gente aí na política que fica se encolhendo de medo quando fala em LARANJAS.(…)

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Terça, 20 de Fevereiro de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

fevereiro 2018
D S T Q Q S S
« jan    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728