11/jul/2018

Justiça alemã condena sobrevivente neonazista à prisão perpétua


Por Robson Pires, em

A Audiência Territorial de Munique condenou hoje (11) à prisão perpétua Beate Zschäpe, a única sobrevivente do grupo terrorista neonazista NSU (Nationalsozialistischer Untergrund, em alemão) responsável pelo assassinato de nove imigrantes – oito turcos e um grego – e de uma policial entre os anos 2000 e 2007 na Alemanha.

Após cinco anos de processo, no qual também estão sendo julgados quatro colaboradores, o tribunal considerou Zschäpe culpada dos dez atentados cometidos pela NSU, apesar de ela não ter participado materialmente de nenhum deles.


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Sexta, 21 de Setembro de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

setembro 2018
D S T Q Q S S
« ago    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30