Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
12/mar/2009

Ministro da Educação defende fim do vestibular


Por Robson Pires, em

O Ministério da Educação pretende iniciar um movimento para mudar a forma de seleção das universidades e alterar os vestibulares. Ontem, em uma reunião com a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições de Ensino Superior, o ministro Fernando Haddad (na foto) declarou guerra ao vestibular e acertou com os reitores a montagem de um grupo para desenvolver um novo modelo de prova.

Os vestibulares são todos iguais e ruins. Estão errados e sinalizam mal para o ensino médio. O ensino hoje está voltado para o vestibular e termina que boas escolas estão piorando em função disso, afirmou Haddad.

O ministro põe na conta das provas mal feitas alguns dos problemas de hoje do ensino médio, com uma educação voltada, segundo ele, para a memorização e não para desenvolver a capacidade de raciocínio.


2 Comentários

  1. Camilo de Lelis disse:

    A educação brasileira precisa, urgetemente, passar por uma reformulação. De fato, toda a estrutura curricular e os métodos aplicados nas escolas brasileiras estão voltados unicamente para o vestibular. Não há a preocupação em formar o cidadão, mas apenas em encher a cabeça dos alunos de conceitos, fórmulas e macetes para que possam ter uma chance de entrar na universidade. Espero que os pedagogos do Brasil acolham esta ideia e trabalhem para construir um novo modelo educacional, no qual sejam levadas em conta as aptidões particulares de cada estudante.

  2. Paulo Araújo disse:

    Eu assino em baixo

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Quinta, 21 de Junho de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

junho 2018
D S T Q Q S S
« maio    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930