Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
28/ago/2009

Nesta quinta feira (28) é o aniversário de morte da primeira mulher que votou em Caicó: Professora Júlia Medeiros


Por Robson Pires, em

Caicó é uma cidade que possuiu grandes trunfos que nos dão muito orgulho. Nascida na Fazenda Umarí, no município, hoje, a rua que leva seu nome, Júlia Augusta de Medeiros foi um dos nossos trunfos.  Foi uma mulher que possuía a fibra do algodão mocó do Seridó. Mulher aguerrida, destemida e valente. É assim que podemos destacar a personalidade da ilustre professora, que morreu em 28 de agosto de 1972.

Além de professora do Grupo Escolar Senador Guerra, Júlia Medeiros foi jornalista do Jornal das Moças, que circulou em Caicó de 1926 – 1932. Em 05 de abril de 1928, Júlia Medeiros teve o direito de se alistar como eleitora e no mesmo ano votou. A partir daí, ela passou a ser a primeira mulher que teve o direito ao voto na cidade de Caicó.

Em 1951, Júlia Medeiros decidiu entrar na vida pública sendo vereadora por dois mandatos consecutivos 1951-1954 e 1954-1958.

Gozando de muito prestígio no meio político, devido ser prima de Dinarte de Medeiros Mariz e amiga pessoal de Juvenal Lamartine de Faria, Júlia Medeiros chegou a receber em Caicó o então Presidente da República, Getúlio Vargas.


1 Comentário

  1. Ednaraújo disse:

    É motivo de orgulho para nós mulheres.

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Quarta, 20 de Junho de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

junho 2018
D S T Q Q S S
« maio    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930