Quem sabe de mim sou eu!
Robson Pires
19/ago/2009
ás 16:23
Publicado por Robson Pires na categoria

Presidente da Associação do Ministério Público repudia declarações de Nelter Queiroz contra promotor que pediu cassação da prefeita de Ipueira

nelter-com-microfone-e-vivaldoO presidente da Associação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (Ampern), Promotor Rinaldo Reis Lima, distribuiu nota de repúdio contra as declarações do deputado estadual Nelter Queiroz, PMDB, que suspeitou da isenção do promotor Sérgio Gouveia Machado que pediu a cassação do mandato da prefeita de Ipueira, Concessa Macedo, DEM, por captação ilícita de votos. Diz a nota:

1º – A lei 9840, aplicada no caso de Ipueira, é fruto da iniciativa popular e representa um avanço extraordinário para a lisura das eleições no Brasil;

2º – O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte cassou o mandato da prefeita Concessa Macedo por cinco votos a um (5×1) respaldando integralmente o trabalho do Ministério Público de Ipueira:

3º – A Prefeita Concessa Macedo expressamente admitiu, perante o Juízo Eleitoral e sob acompanhamento de seus advogados, que o Promotor Sergio Gouveia agiu de forma respeitosa e educada, no momento em que a abordou, tendo também confessado que redigiu com seu próprio punho o escrito que continha nomes de eleitores associados a valores pagos em dinheiro, documento este que se constituiu numa das principais provas do processo que determinou a perda do mandato da prefeita;

4º – O Promotor Sergio Gouveia jamais teve “simpatia”, namoro ou qualquer outro tipo de relacionamento com parente do ex-prefeito Edgar Horácio, como também não interferiu, de qualquer forma, no exercício das funções do Delegado de Polícia que atuou nas eleições municipais em Ipueira;

5º – Não fica bem para qualquer integrante da classe política apostar na deseducação dos eleitores, pois a tentativa de desqualificação dos agentes públicos encarregados da repressão aos ilícitos eleitorais apenas contribui para a perpetuação das práticas imorais e viciadas de troca de votos por favores materiais.

Rinaldo Lima – Presidente

Nelter Queiroz (na foto) acusou o Promotor Sergio Gouveia de agir de forma truculenta contra a prefeita cassada de Ipueira, Concessa Macedo. E desconfia que ele agiu de má fé acusando-o, inclusive, de namorar uma pessoa da família do candidato derrotado Edgar Horácio.

Desconfia que o Promotor favoreceu a cassação de Concessa.

E agora?


5 Comentários

  1. O FILHO DO JUSTO disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    se tivesse ficado calado…
    não tinha escutado!
    rpz um carão desse sei ano viu, é melhor levar um chute nos ovos!

  2. Ajuste Final disse:

    Peeegue Nelter.Um Deputado que só sabe fazer política com fuxico, aqui acolá encontra alguém para peitar. O povo é responsável pela sua eleição.

  3. Júnior disse:

    É por essas e outras que eu acho que os políticos estão ficando cada vez mais idiotas …

  4. Vanessa dos Matos disse:

    bem feito. Nélter, o sr é um falastrão.

    cala a booooca, Magda!

  5. Centrado disse:

    Ainda existem babões nacidade que dizem que a prefeita cassada é inocente e vítima de perseguição… Por que ela foi condena de por 5 dos 6 juízes? Será que eles também estavam perseguindo-a???? Porquê??? Caiu sua máscara Cessa. odos sabem agora o político que você é. Se liga!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Sexta, 20 de Outubro de 2017


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter




Calendário

outubro 2017
D S T Q Q S S
« set    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031