Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
20/out/2009

João Maia durante sabatina: Wilma foi incapaz de mudar a forma de gerir o Estado


Por Robson Pires, em

joão sabaJoão confessa que encomendou pesquisa

Durante a Sabatina Nominuto, realizada na noite desta terça-feira (20), o deputado federal e pré-candidato ao Governo do RN, João Maia, informou que encomendou uma pesquisa para saber qual o perfil que o povo quer governando o Estado. “Eu acho que isso que orienta uma campanha”.

João Maia explicou que não está muito preocupado com as pesquisas que apontam lideranças na corrida para o Governo do Estado. “Encomendei uma pesquisa qualitativa em que mandei perguntar que tipo de perfil o povo do Rio Grande do Norte quer como governo”.

O deputado federal falou ainda das discussões políticas em torno das pesquisas e especulações. “Essa discussão me irrita, acho um desrespeito ao eleitor. O que nós deveríamos estar discutindo é qual o projeto para o RN e não quem é candidato de quem”, avalia.

Respeito a fila

“Em igualdade de condições, quem está a mais tempo na luta tem preferência”, afirmou o deputado federal João Maia (PR), falando a respeito da sucessão ao Governo do Estado.

A resposta de João Maia foi motivada pela pergunta do que ele quis dizer ao proferir, durante encontro político, a frase “respeito a fila”.

O deputado disse, ainda, que “igualdade de condições” significa “igualdade de condições de competir”.

Não gosto de falar em eleição

O deputado federal e pré-candidato ao Governo do RN, João Maia, confessou durante a Sabatina Nominuto que não gosta de falar de eleição. “Tenho um constrangimento muito grande dentro de mim de ficar discutindo eleição o tempo todo”.

João Maia respondeu a pergunta da jornalista Andréia Freitas e falou inclusive, de uma Proposta de Emenda a Constituição que apresentou logo após sua eleição a deputado federal.

“Quando me elegi deputado apresentei essa PEC que estabelecia um mandado de 5 anos, sem reeleição. Cheguei a conversar com todo mundo, mas isso não andou. O Brasil vive esse estado permanente de eleição e isso representa um prejuízo muito grande ao país. Digo isso não só pelo custo das eleições que levam a corrupção, mas porque não dá tempo desenvolver um projeto pensando na próxima eleição”.

Diante disso, João Maia informou que o ideal seria uma definição política para as eleições de 2010 apenas no mês de maio do próximo ano.

joão sabatina outraNão tenho candidato para 2010

O pré-candidato João Maia respondeu rápido a pergunta do jornalista Júlio Pinheiro sobre seus votos em 2010.

“Eu não tenho voto certo para 2010. Sou líder de um grupo e não vou declarar voto antecipadamente”, destacou João Maia.

Não tenho medo de Rosalba Ciarlini

O pré-candidato ao Governo do Estado João Maia (PR) declarou em resposta a pergunta do jornalista Diogenes Dantas não ter medo de Rosalba Ciarlini e sim ter respeito.

“Não dá para ter medo da candidatura de Rosalba e sim respeito”, afirma.

Escolha ainda faz parte de um processo

Perguntado pelo jornalista Roberto Guedes sobre o que falta para ele apoiar Iberê ao Governo do Estado em 2010, João Maia é taxativo.

“Política não é um jogo que acaba nos 45 do segundo tempo. Estamos conversando para ver quem tem as melhores condições para disputar o Governo”, destaca.

João Maia lembrou ainda que Iberê é um homem de qualidades, mas que ainda não está convencido que ele é a melhor opção.

Wilma foi incapaz de mudar a forma de gerir o Estado

“Wilma foi incapaz de mudar a forma de gerir o Estado.” A frase, dita pelo deputado federal João Maia (PR), foi em resposta a qual seria a maior falha da atual administração estadual.

O deputado argumentou que tal modelo de gestão foi herdado pela governadora em função de administrações anteriores, mas que, em função da sua permanência, áreas como as de educação, saúde e segurança pública não avançaram ao longo do governo de Wilma de Faria.

João Maia também falou a respeito de qual o maior mérito da administração. “Wilma é uma governadora comprometida com o povo. Não é uma governadora de elite, comprometida com interesses econômicos. Isso traz implicações na gestão”, elogiou ele.

João: Ninguém vai me impor nada

O deputado federal João Maia garantiu ao jornalista Diogenes Dantas que não vai aceitar as imposições de nenhum político. “Ninguém vai me impor nada”, frisou.

Ele contou que para apoiar qualquer candidato ao Governo do Estado em 2010, este terá que convence-lo e convencer seu partido.

João não acredita que aliado do PMN não pediu votos para Iberê

A pergunta respondida agora pelo deputado federal João Maia (PR) diz respeito a ética ou a falta dela. Questionado pela jornalista Andreia Freitas sobre o pedido de votos a Iberê, o deputado respondeu.

“Eu não recebi nenhuma informação que ele tivesse procurado os prefeitos do Partido da República. Se ele estiver somente perguntando em que o prefeito votaria, é natural, mas se ele estiver pedindo voto é uma indelicadeza”, conclui.

E completa em tom de brincadeira com Diogenes “é uma proposta indecorosa”, aponta.


1 Comentário

  1. CORDAO disse:

    Caro leitor tenhodito, se depender do blog do Xerife, João Maia será o próximo Governador do RN.
    Menos, Xerife, menos.

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Quarta, 22 de Novembro de 2017


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter




Calendário

novembro 2017
D S T Q Q S S
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930