Quem sabe de mim sou eu!
Robson Pires
29/out/2008
ás 19:30
Publicado por Robson Pires na categoria

Projeto que aumentou os salários de prefeito, vice e vereadores deverá cair

Parece mesmo que por causa da pressão de segmentos organizados da sociedade caicoense e da insatisfação da opinião pública de Caicó o projeto já votado e aprovado pela câmara municipal de vereadores que aumentou em 190% os salários do prefeito, vice-prefeito e vereadores deverá tornar-se sem efeito.

Um novo projeto será encaminhado à mesa diretora do legislativo com percentual de aumento diferenciado. Circulou pelos corredores da câmara municipal na tarde desta quarta feira, dia 29 de outubro, duas propostas.

Uma delas fala de um aumento de “apenas? 100% para os cargos de prefeito e vice-prefeito. Ou seja, o vencimento do prefeito passaria dos atuais R$ 7 mil reais para R$ 14 mil reais. O vencimento do vice-prefeito dos atuais R$ 3 mil e 500 reais para R$ 7 mil reais. Para os vereadores o vencimento permaneceria o mesmo do projeto anterior. Ou seja, um salário de R$ 4 mil e 900 reais. E para os secretários municipais “fumo?. De Arapiraca, de preferência.

A segunda proposta é da vereadora Verônica Alcântara. A proposta é de um aumento de 40% para todos os níveis: prefeito, vice-prefeito e vereadores.

Pelo projeto já aprovado pela câmara o prefeito ganharia R$ 20 mil reais, o vice-prefeito R% 10 mil reais e o vereador R$ 4 mil e 900 reais. E para os secretários municipais “fumo?. De Arapiraca, de preferência.


2 Comentários

  1. Francisco Brito disse:

    Comparativo:

    a) Um profissional graduado em uma universidade conceituada, com especialização fora do Brasil, especialmente, em um país de 1º mundo, falando fluentemente dois idiomas, no mínimo, com um vasto conhecimento em informática e, ainda, uns 10 anos de experiência em alguns mercados específicos, provavelmente consiga um salário de R$ 20.000,00 ou até mais. Ressaltando que estamos tratando da iniciativa privada, onde o empresário banca os salários de seus colaboradores da forma que for mais conveniente e rentável, podendo demiti-lo a qualquer momento, bastando um pequeno deslize.

    b) Para ser prefeito de qualquer cidade brasileira para um mandato de 4 anos podendo ser reeleito por mais 4, basta ser alfabetizado, e ainda, mesmo cometendo as maiores barbaridades com o dinheiro público, dificilmente será destituído do cargo.

  2. Óia eu disse:

    Eu não sei como alguns repórteres tem a coragem de dizer em programas de rádio (ouvi hoje) que os vereadores não votaram tal projeto.
    De onde partiu a iniciativa do projeto eu não sei, mas com certeza ele não seria aprovado sem votos e sem a sanção do prefeito, visto ser o procedimento adequado.
    Concordo com o comentário acima.
    E mais: um aumento desses é um assalto ao erário… “formação de quadrilha” tá perdendo!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Quarta, 18 de Outubro de 2017


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter




Calendário

outubro 2017
D S T Q Q S S
« set    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031