Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
04/nov/2009

Vereador alerta que rompimento de João Maia com sistema governista traria prejuízo para a cidade de Caicó


Por Robson Pires, em

miltaoO vereador Miltão Batista (PR) ocupou a tribuna da Câmara de Caicó, nesta quarta-feira (04), afirmando que “é muito ruim fazer política na oposição”. Essa citação diz respeito ao possível rompimento do presidente estadual do seu partido, deputado federal João Maia (PR), com o sistema governista.

Miltão chegou a citar as dificuldades que sofreria o Hospital do Seridó, administrado pelo grupo ligado ao deputado Vivaldo Costa (PR), caso João declarasse oposição a Iberê Ferreira de Souza (PSB), quando este assumir o comando do governo em abril de 2010. “O prefeito de Caicó não iria receber mais nenhum recurso do governo, porque será adversário”, exemplificou também o parlamentar.

Ele considerou o discurso não um ultimato, mas um alerta para que os líderes pensem mais e amanhã a cidade “não seja penalizada por uma medida desastrosa”.


5 Comentários

  1. Quer dizer que o hospital recebe recursos do governo do estado? E se recebe pq só vive em dificuldade? E Quer dizer que a questão é politica, recebe pq são aliados. Se romper não recebe mais? Tem uma coisa errada aí.Promotoria Publica é para está atenta a estas informações. É ddinheiro público que está sendo usado de acordo com conveniências politicas. A coisa se tornou tão imoral, que as pessoas nem pensam que o que estão dizendo é corrupção.

  2. Carlos Alexandre disse:

    Muito simples ropam com João Maia e fiquem com Vilma !!!

  3. FRANCISCA ANDRADE disse:

    TIONONO, a gente apanha na cara e nao aprende.

    AINDA VOTA NESSA CORJA…..

  4. Benedito da Silva disse:

    ninguem quer perder as tetas, por isso teme se tornar opocição!

  5. Maria Bonita disse:

    Caro Robson, o que este nobre representante do povo, diz é uma aberração.Na verdade o que o governo Vilma de Faria faz não é uma política pública em favor da saúde, mas um “jogo de compadres” para favorecer aliados, quando na verdade saúde pública de qualidade é obrigação constitucional dos governos nas diferentes esferas. Cabe uma ação do Ministério Público para apurar os “favorecimentos”. Isto nos envergonha e mostra o nível de alguns dos nossos representantes.

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Sábado, 18 de Novembro de 2017


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter




Calendário

novembro 2017
D S T Q Q S S
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930