29/ago/2009

Wilma não vai impor candidatura própria ao governo, diz secretário do PSB


Por Robson Pires, em

O secretário-geral do PSB, Genildo Pereira, afirmou que o partido liderado no Estado pela governadora Wilma de Faria não imporá candidatura própria ao Governo do Estado nas eleições de 2010, mas trabalhará para viabilizar o nome do partido representado pelo vice-governador Iberê Ferreira de Souza para governador. Ele ressalta a importância e considera legítimas as demais candidaturas dos deputados Robinson Faria (PMN), João Maia (PR) e Carlos Eduardo (PDT) e defende que os líderes de partidos governistas busquem a confluência para se chegar a uma candidatura única, sem divisão. “Vamos trabalhar para uma candidatura única da base do governo Lula e da governadora Wilma”, disse ele, lembrando existir uma candidatura do PSB sem imposição de ninguém.

Genildo Pereira disse também, que o fato de existir uma candidatura adversária na frente das pesquisas não amedrontra nem preocupa o sistema político liderado pela governadora Wilma de Faria sob o argumento de que pesquisa faltando mais de um ano para eleição não retratará a realidade daqui a mais de um ano do pleito. “Essa é uma situação do momento”, avalia o secretário do PSB, afastando a possibilidade de divisão do grupo governista. “Vamos para o consenso e consequentemente para uma grande vitória”, disse Genildo Pereira , refereindo-se à Unidade Potiguar, formada por PMN, PP, PR e PMDB, como “um movimento positivo que representa uma aliança preferencial entre partidos que compõem a base política do presidente Lula e da governadora Wilma de Faria”.

Fonte: Jornal de Hoje


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Sábado, 22 de Setembro de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

setembro 2018
D S T Q Q S S
« ago    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30