Quem sabe de mim, sou eu!

— Robson Pires
30/ago/2007

Maioria não concorda com união de Macacos e Maias em Jardim de Piranhas


Por Robson Pires, em

Contam que guardam a sete chaves o resultado de uma pesquisa de opinião pública realizada na cidade de Jardim de Piranhas.

O blog teve acesso a uma fonte que revelou – mas pediu muito segredo para que seu nome não fosse revelado – um dado importante.

Na pergunta: O que você acha de um acordo entre os Macacos e os Maias nas próximas eleições para prefeito da cidade? É bom ou é ruim?

Responderam que seria bom 40% dos entrevistados.

Responderam que seria ruim 45% dos entrevistados.

Responderam que não sabiam 15% dos entrevistados.

A pesquisa foi feita para o consumo interno dos interessados. Foram ouvidas 300 pessoas na zona Urbana e 100 pessoas na zona Rural. Foi realizada no início de Agosto.


3 Comentários

  1. CARLOS JOSE disse:

    é coisa mesmo de provincia.

  2. Silvan Batista Teixeira disse:

    Bom dia amigo Robson, sou adepto da união do povo, mas quanto aos politicos é bom que permaneçam separados para eles trabalharem mais em prol do necessitado. Por exemplo: Um consegue uma escola e o outro um hospital, um desvia R$ 100,00 apenas, e o outro denuncia. Está faltando cair avião cheio de …

  3. João Maria Cavalcanti disse:

    Caro Róbson,
    Democracia é um regime de governo onde o poder de tomar importantes decisões políticas está com os cidadãos (povo), direta ou indiretamente, por meio de eleitos representantes — forma mais usual. Numa frase famosa, democracia é o “governo do povo, pelo povo e para o povo”. Democracia é direta, quando o povo expressa sua vontade por voto direto, e a democracia é representativa, quando o povo expressa sua vontade através da eleição de representantes que tomam decisões em nome daqueles que os elegeram. As sociedades democráticas estão empenhadas nos valores da tolerância, da cooperação e do compromisso. As democracias reconhecem que chegar a um consenso requer compromisso e que isto nem sempre é realizável. Nas palavras de Mahatma Gandhi, “a intolerância é em si uma forma de violência e um obstáculo ao desenvolvimento do verdadeiro espírito democrático?. As democracias conduzem regularmente eleições livres e justas, abertas a todos os cidadãos. As eleições numa democracia não podem ser fachadas atrás das quais se escondem ditadores ou um partido único, mas verdadeiras competições pelo apoio do povo. Não acredito que existam alianças entre duas frentes partidárias opostas, com desejo de proporcionar unanimidade. Isto macula o processo democrático popular e prejudica a fiscalização da atual administração pela oposição, o que é inerente à democracia.

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Terça, 22 de Maio de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

maio 2018
D S T Q Q S S
« abr    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031